Nicaragua road travel surf travel

Sol e Surf de Single Fin no Norte da Nicarágua

Depois de uma entrada bem complicada no país, finalmente encontramos um cantinho para acampar perto de umas ondas e sem muita gente! Na realidade encontramos algumas praias no norte da Nicarágua onde eu e a Caína (sim!!! ela foi pro surf! com sua super prancha azul!!!) éramos os únicos na água. As ondas só ficavam boas na maré seca, que estava sendo no início da tarde, o que não é o melhor horário por causa do vento, que essa hora já tinha entrado com força!
Depois de mais de um mês de chuvas torrenciais diárias, passamos alguns dias de sol! Já não sabíamos mais o que era ficar em nosso cantinho (barraca), frente ao mar e sem chuva. Com ondas então!!!

Nosso camping e finalmente, sem chuvas!!

Caína no surf!!!

 

Yoga ao fim de tarde

 

 

 

Surf de Monoquilha!

Depois de alguns dias acampados no mesmo local decidimos buscar outras ondas e lugares para a Caína conhecer. Rumamos para a Punta Miramar, ao lado da famosa onda de Puerto Sandino. Simplesmente não conseguimos um lugar seguro para acampar e tivemos que procurar algum dos surf camps da praia de Miramar. Acabamos ficando na @sirenasurflodge onde fomos muito bem recebidos pelo Greg e sua esposa Jomar. O Greg é um fissurado pelas ondas e vai sempre na maré certa! Sem falar que a localização da sua casa não pode ser melhor: Punta Miramar à esquerda e Pipes à direita! Uma funciona na maré cheia e outra na seca. Sem falar que logo ali ao lado tem o “Freight Trains” ou Puerto Sandino que é uma saída de rio com ondas incríveis, mas que por azar a bancada não estava muito boa… O que era pra ser apenas uma ou duas noites de estadia acabaram virando umas 10. Como eles estão reformulando todo seu espaço conseguimos fazer uma troca, a Cá fez um levantamento arquitetônico e conseguimos um bom desconto em troca… Mas o lugar é tão legal que acabamos não querendo sair.
Depois que peguei a Monoquilha 5’11” do @juiceboxsurboards os dias de ondas pequenas em Miramar ficaram muito mais divertidos! Comecei a surfar em 82 com uma Rico Monoquilha 6’6” que comprei de um amigo da minha tia na praia do Pinhal a contragosto do meu pai. Essa prancha não só mudou minha vida mas também ditou os rumos dela deste então… Sou muito feliz por ter começado em uma “single fin” e pelo Kyle ter me emprestado a sua linda prancha verde!

Varanda da Casa Sirena com as ondas de Punta Miramar no fundo
Com Greg, Jomar e o pequeno Eli
Single fin!!!

buscando uma saída…

Por do Sol na Casa Sirena
Lá vem a tempestade!! Ainda bem que não esteávamos na barraca!!
Jantar na Casa Sirena! O Greg além de ótimo anfitrião é um grande cozinheiro!!
Nossa cozinha montada na varanda ao por do sol. Cozinhar ao longo da viagem é uma forma de fazer a viagem mais barata!

 

Assista ao vídeo que fizemos sobre a Casa Sirena:

 

 

Aproveita e segue o @2porlacarretera no Instagram

    5 Responses

  1. E ai Lu e Caina , passei aqui para dar uma lida nas news e saber como anda a trip life ou life trip, whatever, kkk
    Como sempre a leitura dos textos nos remete para longe , neste caso para a Nicarágua de quem está lendo, show!
    Também vi o vídeo e acha que o Lu devia cortar um pouco mais devagar as cenas para curtimos mais, hehe, mas mesmo assim tá muito legal! Take care and having fun!

    1. Valeu Binho!!! Vou tentar editar com menos “cortes” da próxima! Estamos bem! Já pela Costa Rica. Ficamos muito feliz que tu curtiu nossas “histórias”!
      Um abração meu e um beijo da Caína 🙂

      1. Show, não acho que os vídeos precisam de menos cortes e sim que as cenas tenham mais tempo antes do corte! Abraço!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *